Tecnologia

| Games

Se havia alguma dúvida de que os jogos eletrônicos continuariam populares com o passar dos anos esse questionamento foi morto e enterrado logo no início de 1990. Nessa década, os consoles passaram por duas importantes fases de transição, destacadas principalmente pela criação do Super Nintendo e pelo surgimento do Playstation e suas novas mídias.

No Brasil, o aparecimento dos “playtimes”, espaços com jogos arcade ou consoles distribuídos em diversas TVs, também ajudou a popularizar os games. Não era preciso ter todos os títulos lançados, mas era possível alugá-los ou jogá-los por hora. Para celebrar essa época a segunda parte do especial Old but Gold, traz 10 jogos que marcaram a geração noventista para não deixar ninguém com saudades. Assopre seu cartucho e confira!

##RECOMENDA##

O ouriço mais amado dos games teve seu começo em 1991. Produzido pela Sega, o jogo foi idealizado porque seus desenvolvedores precisavam de um novo mascote.  Feito em estilo plataforma em side-scrolling, como foco na velocidade, o primeiro título foi um sucesso. Ele fez a empresa ficar no topo da lista dos desenvolvedores até metade dos anos de 1990, dando origem há o início da franquia que perdura até os dias atuais.

Além dos games, Sonic, seus amigos e o vilão Dr. Eggman ganharam outras mídias, como desenhos animados, anime, quadrinhos e estão para chegar às telonas em breve. A HQ do ouriço foi reconhecida pelo Guinness World Records como a mais longa história em quadrinhos baseada em um game já publicada.

Se você conhece esse clássico, originalmente lançado para arcade em 1992, provavelmente já se pegou tentando dar uns fatalities por aí. O jogo conta a história do monge Liu Kang que tenta salvar a Terra do feiticeiro Shang Tsung,  em um torneio de luta conhecido como Mortal Kombat. Com personagens de personalidades distintas, golpes sangrentos e finalizações especiais, o game ganhou popularidade rapidamente e foi adaptado para diversos consoles.

Em 1995, chegou a virar um filme homônimo que o deixou ainda mais conhecido. Essa semana o game também ganhou sua décima primeira versão, com os personagens clássicos da franquia.

O jogo de corrida que estreou no recém-lançado Super Nintendo, em 1992, tem uma das músicas tema mais conhecidas no mundo dos games. Top Gear é um jogo simples, no qual o jogador precisa apenas acelerar, frear e acionar o turbo para conquistar o primeiro lugar do pódio antes que a gasolina chegue ao fim. Há um sistema de senhas que marca o progresso na campanha, levando o jogador a outro nível ou país do próximo desafio.

Um jogo, um mistério, um ídolo. É assim que podemos resumir o que foi o International Superstar Soccer, jogo de futebol baseado na Copa do Mundo de 1994. Lançado em 1995, o game da Komani se popularizou em todo o mundo porque reproduzia o campeonato mundial de futebol com uma narração única - efeito que não era comum em jogos do gênero e um personagem que virou ídolo de gerações.

Um dos maiores mistérios do game é relacionado ao jogador Allejo. Considerado "o maior jogador que nunca existiu", o personagem virou a grande incógnita do game porque, até 2019, a Konami não revelava em quem ele havia sido baseado. O segredo foi revelado e as teorias de que era o brasileiro Bebeto foram confirmadas. Além disso, o jogo, se tornou tão popular que surgiram versões pirateadas (com narrações em português e espanhol) e um segredo que conseguia transformar todos o juiz e os bandeirinhas em cachorros.

The Legend of Zelda: A Link to the Past não é o primeiro game da franquia Zelda, mas é - com certeza - o mais popular. Lançado em 1991, para Super Nintendo o game foi o primeiro da série que contava com 2 mundos diferentes (Dark World e Light World), com um enredo denso e tendo vendido mais de 4 milhões de cópias no mundo.

A história acompanha Link em uma jornada para salvar a terra de Hyrule, libertando as sete donzelas descendentes dos antigos sábios e  impedindo a volta de Ganon. O enredo envolve os ancestrais de Link e da princesa Zelda.

Apesar de ter sido lançado para Super Nintendo , em 1995, foi em 1999, com sua versão para Playstation, que o Chrono Trigger fez o verdadeiro sucesso. Feito por uma equipe composta por Hironobu Sakaguchi (produtor da série Final Fantasy), Yuji Horii (diretor da série de jogos Dragon Quest), Akira Toriyama (criador de mangás famosos, como Dragon Ball e Dr. Slump), o produtor Kazuhiko Aoki e Nobuo Uematsu (músico de Final Fantasy), o game encantou em termos de enredo.

Com possibilidade de vários finais, uma história profunda, que passava por diversas eras e  um bom sistema de batalhas o game foi o primeiro da série Chrono, conhecida por permitir vários encerramentos para seus RPGs.

Nem só de salvar princesas se vivem as grandes franquias de games. A maior prova disso está em 1996, com o primeiro Resident Evil. O jogo de terror criado pela Capcom baseava-se em filmes de terror lado B e trouxe personagens icônicos como Jill Valentine, Chris Redfield, o vilão Nemesis e a empresa Umbrella Corporation.  

Após uma série de casos de homicídios envolvendo canibalismo, em 1998, o S.T.A.R.S (Special Tactics And Rescue Service - Serviço de Resgate e Táticas Especiais) é enviado para investigar o caso. Porém, seus soldados acabam presos em uma mansão, fachada para um laboratório secreto pertencente à multinacional farmacêutica Umbrella Corporation. Lá encontram zumbis e criaturas resultado de experiências com um vírus chamado T-Virus.

Lara Croft, rainha, o resto nadinha. A arqueóloga mais famosa do mundo dos games vem de uma leva de fortes protagonistas femininas nos jogos de ação, sendo talvez a principal delas. O game fazia parte do esquadrão de elite da Sony, feito para o Sega Saturn e o Playstation, e traz Lara desvendando mistérios históricos enquanto pula, corre, dá tiros e mata seus inimigos. O game, que continua a ser reproduzido pela empresa, chegou a ganhar uma sequência de filmes protagonizados por Angelina Jolie.

A franquia Final Fantasy não iniciou nos anos 1990, mas a sua versão mais popular, sim. O sétimo título da franquia, foi lançado originalmente para PlayStation, em 1997, e é considerado um dos melhores jogos eletrônicos de todos os tempos. Na época do seu lançamento o RPG ganhou a fama por ter impulsionado as vendas do PlayStation, que havia acabado de surgir e popularizado o estilo de Role Playing Game.  

Sua história acompanha Cloud Strife, um mercenário que, junto a uma organização, quer impedir a mega corporação Shinra de usar a essência vital do planeta como uma fonte de energia. Durante sua jornada aliados se juntam ao protagonista contra Sephiroth. É possível encontrar itens escondidos explorar ambientes e batalhar com cada personagem em turnos.

Por último e não menos importante, um dos jogos de arcade mais populares dos anos 1990. The King of Fighters (KOF) é uma série de jogos de luta que criava fila em qualquer playtime de bairro.  Isso porque a série de colocava os jogadores para jogar um contra o outro, introduziu sistema de lutas que não era usado na época. Era preciso montar um time de três membros que se enfrentam em duelos; quando um perdia, era substituído pelo próximo, até a equipe que conseguir três vitórias se tornar a vencedora.

LeiaJá também

--> Conheça dez jogos que fizeram história nos anos 1980

Na próxima sexta-feira (26), acontecerá o  Retrokon II: Toyland - A Convenção PopNostalgia-PE. O evento que vai até domingo (28), no Paço Alfândega Shopping, exibirá stands temáticos de cultura pop, concurso de cosplays, entre outros. O destaque fica na abertura, que contará com uma exposição de consoles antigos e um campeonato de games clássicos.

Entre os consoles que poderão ser vistos pelo público estão Atari, Master System, Super Nintendo,  Mega Drive e outros, além de conhecer a história de cada um. Jogos clássicos como Street Fighter II Champion Edition, Mortal Kombat, e Marvel vs Capcom: Clash of Super Heroes, também estarão disponíveis para serem jogados pelo público em campeonatos.

##RECOMENDA##

    A Retrokon II acontece das 11h às 20h, nos três dias de evento. A entrada é gratuita, mas os organizadores pedem a doações de  1kg de alimento não perecível. Tudo que for arrecadado será direcionados à famílias desabrigadas das ruas do Grande Recife.

LeiaJá também

--> Mortal Kombat 11 retorna com personagens clássicos

--> Conheça dez jogos que fizeram história nos anos 1980

Desafios, Zumbis, Lutas e quebra-cabeças. Os lançamentos da semana aparecem com títulos em estilos bem diversificados, que passam desde cenários clássicos, até personagens amados pelo público. O queridinho da vez é o décimo primeiro Mortal Kombat, que retorna aos consoles com personagens clássicos como Sub-Zero, Liu Kang, Kitana, entre outros, que fizeram a infância de gerações. Para saber quais são os outros títulos que estreiam nos próximos dias, confira nossa lista!

Jupiter & Mars - 22 de abril

##RECOMENDA##

Disponível para PS4, PS VR o game se passa em um planeta Terra pós-apocalíptico , em que tudo o que conhecemos está debaixo das águas após o derretimento das calotas polares. Apenas os objetos da presença da humanidade ainda estão por aí. Uma raça de baleias de elite, chamada Anciãos, recruta Jupiter e Mars para ajudar a neutralizar bases e máquinas que ainda funcionam parcialmente, atrapalhando a vida marinha.

Mortal Kombat 11 - 23 de abril

Disponível para PS4, Xbox One, PC, e Nintendo Switch. Sem dúvida o título que tem gerado mais expectativa para essa semana é a continuação direta de Mortal Kombat X. O game de luta apresenta gráficos ainda mais realistas do que seu antecessor e com um enredo ainda melhor. A presença dos personagens clássicos também é um ponto positivo. Estão de volta Johnny Cage, Kabal, Kitana, Sonya Blade, Sub-Zero, Scorpion, Liu Kang, Kung Lao, entre outros.

SteamWorld Quest: Hand of the Gilgamech - 25 de abril

Disponível para Nintendo Switch. Game de RPG mistura aventura, humor e robôs em um enredo que conta com um grupo de aspirantes a heróis tentando ter o seu lugar ao sol. As batalhas são feitas com cards, com mais de 100 cartas. A estética é toda de animação, o que deixa o jogo ainda mais bonito.

Boxboy + Boxgirl - 26 de abril

Disponível para Nintendo Switch. Neste game, que pode ter um ou dois jogadores, o usuário é uma caixa que sai pelo mundo resolvendo quebra-cabeças. Com uma estética simples, é preciso pensar “fora da caixa” para passar dos 270 estágios disponíveis.

Days Gone - 26 de abril

Disponível para PS4. O título é outro também muito aguardado pelos usuários e já chega ao mercado com uma atualização de 21 GB. É um jogo de sobrevivência, contra zumbis, em um universo pós-apocalíptico. A história gira em torno de Deacon St. John, um viajante, caçador de recompensas, que prefere viver uma vida perigosa na estrada, ao invés de se esconder em comunidades. Como o jogo é feito em mundo aberto é possível completar várias missões sem precisar seguir o enredo principal.

Super Meat Boy Forever- 26 de abril

Disponível para PS4, Xbox One, PC e Nintendo Switch. O jogo é a continuação do indie de sucesso lançado em 2010. Na história Super Meat Boy e Bandage Girl tiveram um bebê, chamado Nugget. Para desestabilizar o casal o vilão Dr. Fetus rapta a criança. O game se desenvolve com os protagonistas lutando para resgatar seu filho.

Zeroptian Invasion 26 - 26 de abril

Disponível para Nintendo PS4, PS Vita — Digital (Cross-Buy). O game chega relembrando a época do Arcade, com visual 8-bit em um plano vertical. Porém, o game promete uma dificuldade aos níveis da atualidade trilha sonora chiptune e filtro CRT.

LeiaJá também

-->  Conheça dez jogos que fizeram história nos anos 1980

--> Jogos clássicos são destaque nos lançamentos da semana

--> Confira os games que serão lançados essa semana

Quem tem um Playstation 4 vai gostar de saber que, até a próxima segunda-feira (22), diversos títulos do console estão com até 50% de desconto na PS Store. Entre os títulos disponíveis estão clássicos como Crash Bandicoot e outros games mais atuais como Shadow of the Tomb Raider e Assassin's Creed Odyssey - todas as edições.

Confira a lista completa (via Playstation Blog)

##RECOMENDA##

Ace Combat 7: Skies Unknown (Vr)    

Ace Combat 7: Skies Unknown Deluxe Edition  

Almost There: The Platformer  

Assassin’s Creed Odyssey

Assassin’s Creed Odyssey – Deluxe Edition    

Assassin’s Creed Odyssey – Gold Edition         

Assassin’s Creed Odyssey – Ultimate Edition

Assassin’s Creed Odyssey Legacy Of The First Blade  

Assassin’s Creed Odyssey Season Pass

Call Of Cthulhu

Crash And Spyro Bundle          

Crash Bandicoot N Sane Trilogy

Creed: Rise To Glory (Vr)         

Drowning        

Genesis Alpha One    

Hello Neighbor

Hello Neighbor: Hide And Seek

Just Cause 4 – Digital Deluxe  

Just Cause 4 – Gold Edition     

Just Cause 4 – Standard Edition            

Killing Floor 2

Killing Floor: Incursion (Vr)      

Kingdom Of Blades (Vr)           

Life Is Strange 2 – Episode 1   

Masquerada: Songs And Shadows      

Metro Exodus   

Metro Exodus Gold Edition    

Omen Of Sorrow         

Planet Rix-13

Senran Kagura Burst Re:Newal

Senran Kagura Burst Re:Newal — Tailor-Made Edition

Shadow Of The Tomb Raider

Shadow Of The Tomb Raider – Croft Edition  

Shadow Of The Tomb Raider – Digital Deluxe Edition

Shadow Of The Tomb Raider – Season Pass   

Slime Rancher   

Sonic Forces Digital Standard Edition  

South Park: The Fractured But Whole Gold Edition     

South Park: The Fractured But Whole   

South Park: The Fractured But Whole   

South Park: The Fractured But Whole Gold Edition     

South Park: The Video Game Collection           

Spyro Reignited Trilogy

Steel Rats       

Steel Rats Deluxe Edition        

Stellaris            

Stellaris: Console Edition – Deluxe Edition       

Taiko No Tatsujin: Drum Session!        

The Bridge      

The Elder Scrolls Online: 14000 Crowns

The Elder Scrolls Online: 1500 Crowns   

The Elder Scrolls Online: 21000 Crowns

The Elder Scrolls Online: 3000 Crowns   

The Elder Scrolls Online: 5500 Crowns   

The Elder Scrolls Online: Collection     

The Lego Movie 2 Videogame   

Tom Clancy’s The Division 2 Gold Edition         

Tom Clancy’s The Division 2 Standard Edition

Tom Clancy’s The Division 2 Ultimate Edition

Tumblestone

Vampyr           

Yakuza Kiwami

Se você chegou à casa dos 30 (anos) é muito provável que já tenha desfrutado de alguns clássicos dos videogames. Na década de 1980, diversos jogos ocupavam o imaginário de jovens e adultos, como Super Mario Bros, Pac-Man e Metal Gear. Com seus gráficos inovadores, campanhas bem formuladas e personagens que viriam a ser precursores de grandes franquias, os games conquistaram um espaço no coração e na prateleira de pessoas de todas as idades.

Para relembrar alguns dos títulos que fizeram história nos consoles e ligar um alerta para aqueles que estão por vir, começa nesta quarta-feira (17), a série em cinco partes: Old but Gold. A expressão, em inglês, significa algo que é antigo, mas que continua muito bom, assim como os games que aparecem listados abaixo. Relembre seus favoritos, clássicos que revolucionaram a indústria e até títulos que deixaram sua marca em apenas uma edição.

##RECOMENDA##

Começar qualquer lista de jogos clássicos e não falar de Pac-Man é algo difícil de conseguir. O game, que nasceu em 1980, foi um dos primeiros a virar febre em todo o mundo. Com gráficos simples e uma mecânica fácil de entender, o jogo consistia em uma cabeça amarela redonda, com uma boca que abria e fechava, percorrendo um labirinto repleto de pastilhas e sendo perseguida por quatro fantasmas. Para progredir o jogador tinha que comer todas as pastilhas sem ser pego pelos fantasmas, com a dificuldade aumentando progressivamente.

Primeiro jogo da série Donkey Kong, era um minigame que foi feito originalmente para Arcade, em 1981. Além de apresentar o macacão mais querido da Nintendo, e dar início aos jogos em estilo plataforma, o jogo também trouxe uma surpresa.  Na história, o macaco sequestra uma mulher chamada Pauline e cabe ao jogador controlar o boneco que irá resgatá-la chamado de "Jumpman". Acontece que o Jumpman era, nada mais, nada menos, do que a primeira versão do que viria a ser o Mario, da franquia de jogos de maior sucesso no mundo: Super Mario Bros.

O encanador mais popular dos jogos de videogame teve sua primeira franquia iniciada com esse título. Criado por Shigeru Miyamoto e lançado pela Nintendo, em 1985, para o console NES, foi um dos mais vendidos de toda a história dos videogames, com mais de 40 milhões de cópias em todo o mundo. No enredo, o jogador precisa percorrer o Reino do Cogumelo, lutar contra o chefão Bowser e salvar a Princesa sequestrada. O game conta com oito mundos, com quatro fases cada um.

 

Primeiro jogo da série Contra, originalmente feito para Arcade, em 1987. O game se tornou bastante popular na época porque trazia a possibilidade de ser jogado em dupla, formato atípico para os consoles dos anos de 1980. Na versão multiplayer os jogadores controlavam os soldados Bill Rizer ou Lance Bean e saiam enfrentando homens,máquinas e alienígenas, em oito estágios.

Diferente da maioria dos jogos nessa lista, Tetris não foi feito por uma empresa asiática, mas por engenheiros da extinta União Soviética, em junho de 1984. O jogo consiste em empilhar tetraminós, peças formadas por quatro quadrados idênticos, que descem pela tela para tentar formar linhas horizontais. Quando uma linha é formada, ela se desintegra, fazendo com que as camadas superiores desçam e o jogador ganha pontos. Se a pilha chegar ao topo da tela, o game é encerrado.

Além disso, Tetris foi o primeiro game a ser jogado no espaço. O jogo soviético também ganhou uma versão para o Game Boy, da Nintendo, em 1989, o que o transformou no jogo de maior sucesso da história da máquina.

Bomberman é uma franquia clássica, iniciada no começo dos anos de 1980, e que apresenta jogos até os dias de hoje. O game, que começou no Arcade, em 1983, e já foi disponibilizado para uma infinidade de consoles, consiste em um personagem destruindo obstáculos e inimigos com uma bomba, ao caminhar dentro de um mapa. Simples assim.

A maioria dos jogos da série apresenta o modo Multiplayer, onde é possível jogar contra outros jogadores. O vencedor é quem permanecer no mapa até o final antes do jogo atingir o tempo limite (dois minutos).

A Square estava à beira da falência quando resolveu investir em Final Fantasy como sua cartada final. Porém, o que era pra ser o último jogo da empresa, em 1987, acabou se transformando em uma das maiores franquias de games de todos os tempos, no modo RPG.

O enredo acompanha quatro jovens chamados de Guerreiros da Luz, que carregam, cada um, uma das quatro orbes elementais de seu mundo. Essas orbes foram escurecidas por quatro demônios, que os personagens partem para derrotar, restaurar sua luz e salvar  o mundo.

Todo mundo que joga videogame, em algum momento da vida, ouviu falar de Metal Gear. O game de espionagem, criado por Hideo Kojima para a Konami, em 1987, foi o primeiro da saga que dura até os dias atuais. Nele, o jogador deve controlar o personagem Solid Snake evitando contato e confronto direto com as sentinelas que patrulham as áreas. Se for visto, o game entrará no "Modo de Alerta" até que a situação volte ao status "Normal".

Um sucesso do arcade, Dig Dug é  um jogo simples, em que o personagem homônimo a série, parte cavando túneis para eliminar monstros que habitam o subterrâneo. Para derrotá-los o personagem infla os inimigos com uma bomba de ar até que eles explodam, ou joga pedras sobre eles. O game de 1982 fez tanto sucesso entre a geração do fliperama que foi homenageado na segunda temporada do seriado da Netflix, Stranger Things,  que tem um de seus episódios baseados no jogo.

Um dos jogos de corrida mais influentes da sua geração, Pole Position foi inicialmente lançado para arcade e, logo depois, para Atari. O game simulava uma corrida de Fórmula 1 e o objetivo era se manter na pista para conquistar o primeiro lugar. Apesar de ter sido lançado quase na mesma época que Enduro, o jogo tinha muito mais detalhes, sendo considerado bem feito, para as limitações do ano em que foi lançado (1982).

Em uma inusitada entrevista ao site Wired, Mark Cerny - nome por trás do novo console da Sony, revelou detalhes do funcionamento interno do Playstation 5. A empresa, que não vai participar da E3 este ano, não revelou detalhes do design, mas garantiu que a novidade não será lançada em 2019. Rumores apontam para 2020.

Entre as novidades apresentadas pelo engenheiro estão menor tempo de carregamento de jogos, retrocompatibilidade com games do PS4 e leitor de discos e as mídias físicas, além de suporte ao atual PlayStation VR.

##RECOMENDA##

Já na parte técnica Cerny falou sobre um processador de oito núcleos, baseado na linha Ryzen da AMD, para o novo console. A GPU, uma variante personalizada da família Navi da Radeon, suportará ray tracing, técnica que permite mais realismo ao curso da luz para simular interações complexas em ambientes tridimensionais. O som também deve ser um ponto forte do aparelho.

O console também terá suporte as novíssimas TVs 8K, que vem chegando ao mercado este ano. Infelizmente, como não irá participar do maior evento de jogos do mundo, em junho, é possível que novas notícias, principalmente sobre preço e design, demorem para chegar.

LeiaJá também

--> Capcom lança controle estilo Arcade para consoles

--> Usuários da PSN podem trocar nome online

--> Jogos clássicos são destaque nos lançamentos da semana

Se você tem saudade da época dos famosos “playtimes”, que atraiam gerações em torno das máquinas em estilo arcade, a Capcom tem uma novidade que vai tocar o fundo do seu coração. A empresa revelou nesta terça-feira (16), o lançamento do Capcom Home Arcade, um controle estilo as máquinas antigas, com lançamento marcado para 25 de outubro.

Com 16 games clássicos já confirmados, armazenados no controle, o produto é equipado com peças Sanwa JLF-TP-8YT e botões OBSF, que são conhecidos pela durabilidade. Para usá-lo basta conectá-lo à tela de escolha (computador, televisão) através de um cabo HDMI, ligá-lo via Micro-USB e pronto.

##RECOMENDA##

É possível jogar nos modos single e multiplayer, este último tanto de forma cooperativa quanto em batalhas frente-a-frente. Para aqueles que gostam de competir é possível fazer o upload das melhores pontuações via WiFi, para um placar mundial de recordes da própria Capcom. Até agora a venda dos produto só está confirmada para a Europa e é possível adquirí-lo na pré-venda por cerca de 230 euros (aproximadamente R$ 1,300).

Confira os títutlos

1944: The Loop Master;

Alien Vs. Predator;

Armored Warriors;

Capcom Sports Club;

Captain Commando;

Ciberbots: Fullmetal Madness;

Darkstalkers: The Night Warriors;

ECO Fighters;

Final Fight;

Ghouls’N Ghosts;

Giga Wing;

Mega Man: The Power Battle;

Progear;

Street Fighter II: Hyper Fighting;

Strider;

Super Puzzle Fighter II Turbo.

Veja mais do visual do controle

[@#video#@]

No último sábado (13), durante a Star Wars Celebration, em Chicago, a EA Games anunciou o novo game da franquia dos Jedi, assim como sua data de lançamento. Produzido pela Respawn Entertainment, Star Wars Jedi: Fallen Order, chega como uma aventura em terceira pessoa, contando os eventos após A Vingança dos Sith.

No game você controla um jovem Padawan chamado Cal Kestis, que sobreviveu à Ordem 66 - que deveria eliminar todos os Jedi. Para completar o treinamento de Cal, o jogador deve encontrar as partes do passado do personagem, além de lutar contra o Império e seus inquisidores, entre eles a Segunda Irmã, uma das vilãs principais da história.

##RECOMENDA##

Os fãs de Star Wars vão reconhecer lugares, armas, equipamentos e inimigos comuns a franquia, além de conhecer novos personagens, criaturas, droids e adversários. Star Wars Jedi: Fallen Order será lançado em 15 de novembro, para Xbox One, PlayStation 4 e PC. Quem quiser já ir garantindo o jogo, a pré-venda do game está disponível.

LeiaJá também

--> Jogos clássicos são destaque nos lançamentos da semana

--> Jogo em que se gerencia a venda de maconha é desmonetizado

--> Usuários da PSN podem trocar nome online

Nesta semana, de 15 a 21 abril, os lançamentos dos principais consoles do mercado vêm recheados de clássicos. Os gamers de plantão vão poder matar a saudade de títulos já conhecidos, que chegam remasterizados, jogos de conquista e até games com visual retrô que passam a fazer parte de outras plataformas. Ficou curioso? Confira nossa lista!

Anno 1800 - 16 de abril

##RECOMENDA##

Disponível para PC, o game foca na construção de uma cidade durante a Revolução Industrial no século XIX. Crie uma cidade, faça-a prosperar e lide com turismo, agricultura e os efeitos da industrialização na sociedade em um mundo aberto com centenas de possibilidades.

Final Fantasy X/X-2 HD Remaster - 16 de abril

Disponível para Xbox One e Nintendo Switch é uma remasterização dos Final Fantasy X e Final Fantasy X-2, fundidos em um só game. No primeiro título do RPG o jogador parte em uma missão para salvar o mundo de Spira com os personagens Tidus e Yuna. Na segunda parte, Yuna se torna a Caçadora de Esferas e, juntamente com seus companheiros Rikku e Paine, parte em uma jornada cheia de mistérios.

World War Z - 16 de abril

Disponível para PS4, Xbox One, PC. Jogo baseado no filme homônimo, lançado em 2013, em World War Z. Nele o jogador luta contra hordas de zumbi para tentar sobreviver ao apocalipse que se espalha de Nova York à Moscou e Jerusalém.

Konami Anniversary Collection: Arcade Classics - 18 de abril

Disponível para Nintendo Switch. Em comemoração ao aniversário de 50 anos da Konami, a empresa lança um pacote com oito jogos clássicos, entre eles Nemesis e Haunted Castle. Todos os games disponibilizados no box são clássicos do Arcade.

Cuphead - 18 de abril

Disponível para Nintendo Switch. Apesar do visual retrô e fofinho, que lembra os clássicos da Disney, dos anos de 1930, o jogo passa longe de ter uma história inocente. O game, que era exclusivo da Microsoft, conta a história de dois personagens com cabeça de xícara, que fizeram um pacto com o diabo e lutam contra chefões quase impossíveis de serem vencidos. Tudo isso feito em uma animação muito bonita.

[@#galeria#@]

LeiaJá também

--> Confira os games que serão lançados essa semana

Um game lançado na última quinta-feira (11) está reacendendo o debate sobre os critérios para a monetização de conteúdos considerados adultos. Desenvolvido pela Vile Monarch e distribuído pela Devolver Digital, a mesma de Broforce, Weedcraft Inc leva o jogador a abrir um negócio para vender maconha, em um universo em que a planta foi legalizada tanto para uso recreativo quanto medicinal. O problema é que, ao tentar divulgar e monetizar o conteúdo nas redes sociais, os desenvolvedores estão esbarrando nas políticas restritivas de sites como YouTube e Facebook.

A editora do game informou que o YouTube desmonetizava vídeos em que usuários da plataforma jogavam o game, já o Facebook não permitia a Devolver Digital exibir anúncios sobre o jogo. As duas empresas tem um código bastante rígido sobre conteúdos relacionados à drogas, mesmo que legalizada em diversos países.

##RECOMENDA##

Com a gigante dos vídeos é improvável que o game consiga alguma monetização. Na plataforma, qualquer conteúdo publicado que promova ou apresente a venda, uso ou abuso de drogas ilegais ou regulamentadas, além de outros produtos "perigosos", não são considerados adequados para publicidade.

Já o Facebook está tentando corrigir as restrições feitas ao jogo. Sua política diz que os anúncios não devem promover a venda ou o uso de drogas ilegais, prescritas ou recreativas e, uma vez que não é isso que o game tenta fazer, é possível que permita que ele seja anunciado em breve.

Sobre o jogo

[@#video#@]

Apesar de, a primeira vista, o game aparentar alimentar o estereótipo de quem consome maconha, a verdade é que o título se trata um simulador voltado para a administração de recursos, que ensinam como gerir um negócio.

Lançado exclusivamente na Steam, o game tem dois modos dificuldade: regular e avançado. No primeiro, o jogador é um estudante de MBA em Administração, que tranca a faculdade após o falecimento do pai. Junto ao irmão ele descobre que seu pai fez uso de maconha medicinal nos últimos anos de sua vida. A partir daí, os dois se juntam para abrir um negócio de cultivo e venda da erva.

No módulo avançado a história se torna mais densa. O jogador encarna um ex-presidiário, que passou 15 anos na prisão por tráfico e, ao sair,  descobre que a planta foi legalizada. Nesse modo é possível jogar mais livremente.

Uma das mudanças mais aguardadas pelos fãs do PS4 foi liberada na última quarta-feira (10). Agora, é possível que os usuários da PSN troquem seu nome online, via console ou browser. A Playstation afirma que todos os jogos, originalmente publicados após o dia 1 de abril de 2018, foram desenvolvidos para reconhecer a novidade. Porém, erros ainda podem ser encontrados.

Confira as instruções para trocar de nome (via Playstation blog)

##RECOMENDA##

PlayStation 4:

Passo 1: No seu PS4 vá para [Settings].

Passo 2: Selecione [Account Management] > [Account Information] > [Profile] > [Online ID].

Passo 3: Entre o nome online de sua escolha, ou escolha um dos mostrados.

Passo 4: Siga as instruções na tela para completar a mudança.

Web browser:

Passo 1: Entre na sua conta PlayStation Network e selecione PSN Profile no menu.

Passo 2: Selecione o botão Edit, ao lado do seu nome online.

Passo 3: Entre o nome online de sua escolha, ou escolha um dos mostrados.

Passo 4: Siga as instruções na tela para completar a mudança.

É importante ressaltar que apenas a primeira mudança é gratuita. Todas as trocas subsequentes serão cobradas, com preço reduzido para membros PlayStation Plus. Para não causar estranheza nos usuários há uma opção que permite que seu nome antigo continue sendo mostrado ao lado do novo, durante 30 dias. A intenção é que isso facilite a identificação do usuário em games online.

Se mudar de ideia também é possível reverter a qualquer nome anterior, entrando em contato com o Suporte PlayStation, gratuitamente. Todos os nomes antigos estarão disponíveis apenas para o usuário, não sendo permitido que outros façam uso dos nomes escolhidos, mesmo que eles já tenham sido trocados.

Restrições

A Playstation ressalta que contas infantis não podem trocar de nome e que a novidade não pode ser feita no PS3 e PS Vita, que não suportam a função. A empresa pede aos jogadores que fiquem atentos a possíveis erros de sistema. Como nem todos os jogos são compatíveis com a mudança a empresa separou uma lista de games (em inglês) que podem apresentar problemas de funcionamento e aconselha conferi-la antes de mudar.

Entre os riscos com a troca de nome estão a perda de progressão em alguns jogos, dados gravados, dados de placar/pontuação e progresso de Troféus. Partes de alguns jogos e aplicativos podem não funcionar online ou offline, além de ser possível que o usuário perca acesso ao conteúdo, inclusive pago, adquirido para jogos, como DLCs, add-ons e moedas virtuais. Caso isso aconteça a PS pede para que o jogador reverta a atualização para seu nome anterior.

LeiaJá também

--> Confira os games que serão lançados essa semana

--> Borderlands 3 ganha data de estreia e trailer

--> Sony anuncia relógio PlayStation, inspirado no 1º console

Toda semana as empresas de games divulgam quais são as novidades que vem por aí. Para você não perder nenhuma delas separamos uma lista de jogos que estarão disponíveis entre 8 e 13 de abril, para diversas plataformas, desde PS4 até o PC. Confira!

9 de abril

##RECOMENDA##

Phoenix Wright: Ace Attorney Trilogy

Disponível para PS4, Xbox One, PC e Switch, o game é uma releitura do original (lançado em 2005), com novos gráficos e situações. Basicamente, você é um advogado que travará árduas batalhas no tribunal. E que vença o melhor argumento.

Dangerous Driving

Disponível para PS4, Xbox One. O jogo de corrida inclui elementos em que os jogadores podem atacar seus adversários, causando danos e impedindo-os temporariamente de correr. Toda artimanha para chegar ao pódio é bem vinda.

Neo Atlas 1469

Disponível para Nintendo Switch.O jogo não é novo, mas só agora estará disponível para ser adquirido em mídia física. Nesse game você é um conquistador que, para ampliar o mapa do mundo, deve aprovar ou desaprovadas as descobertas de seus desbravadores.

Shovel Knight Showdown

Disponível para PS4, Xbox One, PC, Switch. Última campanha da saga Shovel Knight: Treasure Trove, o jogo possui 4 novos mundos e mais de 30 novos cursos. Tudo isso em batalhas com cartas.

Zanki Zero: Last Beginning

Disponível para PS4, PC. O game de RPG permite ao jogador explorar ruínas, calabouços e ilhas de um mundo pós-apocalíptico, pelo ponto de vista de oito protagonistas, em cada capítulo.

 11 de abril

Earth Defense Force: Iron Rain

Disponível para PS4. Com mais de 50 missões o jogo é um TPS de ação onde você é um dos soldados da EDF e luta contra invasores do espaço sideral que querem destruir o mundo, em 2040.

Hellblade: Senua's Sacrifice

Disponível para Switch. O game foi feito pelos mesmos criadores de Heavenly Sword, Enslaved: Odyssey to the West, e DmC: Devil May Cry. Nele você é uma guerreira celta beirando a psicopatia que embarca em uma busca assombrosa, na era dos Vikings, para lutar pela alma de seu amante morto.

12 de abril

Dark Quest 2

Disponível para PS4. RPG de turnos em que o jogador controla um grupo de heróis, por diversos mapas. Cada mapa é feito para testar a força, coragem e sanidade de seu grupo, com vilões gradativamente mais fortes.

Preparem as estratégias. A World Cyber Games (WCG) 2019, também conhecida como a Olimpíada dos e-sports, anunciou os valores das premiações do evento.

Jogadores individuais e em equipes de games famosos como DotA 2, Clash Royale, Hearthstone, WarCraft III: The Frozen Throne, CrossFire e Honor of Kings, podem ganhar um total de US$ 600 mil (aproximadamente R$ 2,3 milhões) em prêmios. Os valores serão divididos entre os três medalhistas de cada categoria do torneio.

##RECOMENDA##

O campeonato, que teve sua última edição em 2013, contará com classificatórias no Brasil e em outros países do mundo. A final do evento acontecerá entre os dias 18 e 21 de julho, em Xi’an, na China. No site também há os prêmios para quem se classificar nas regionais. Os três primeiros colocados de cada rodada receberão de US$ 300 a US$ 5 mil.

LeiaJá também

--> Snapchat lança plataforma de jogos

--> Jogos gratuitos chegam à biblioteca do Nintendo Switch

--> Deputado protocola PL que criminaliza jogos violentos

A Snapchat lançou oficialmente sua própria plataforma de jogos multiplayer. A novidade foi anunciada na quinta-feira (4). Já haviam rumores no mercado que eles teriam criado uma plataforma de jogos e a rede social vem investindo em plataformas de jogos há mais de um ano.

Segundo informações divulgadas pela Tecmundo a plataforma conta com seis títulos, mas foi garantido pela Snap a adição de mais jogos no futuro. E o destaque dos jogos é o 'Bitmoji Party', em que é possível competir com oito amigos usando um 'avatar emoji' personalizado que você cria, além de poder interagir nas partidas com os amigos através de conversas de texto e voz.

##RECOMENDA##

A melhoria no desempenho do aplicativo no fim de 2018 permitiu que a receita da empresa crescesse em 36% e o app parasse de perder usuários.

Para conferir as novidades é só acessar o menu de games na tela inicial do aplicativo.

Por Waleska Andrade

O terceiro jogo da franquia Boderlands, uma das mais dinâmicas da PSN, já tem data de estreia. O game, que conta com quatro novos personagens, vai trazer mais armas, novos vilões e melhorias no modo de cooperação. Para marcar a data a Sony lançou um novo trailer que apresenta, de forma energética, as novidades que aguardam os jogadores.

Dessa vez será possível escolher entre Moze, um soldado ágil que pode entrar em seu mech — Iron Bear; Amara, uma Siren que pode conjurar punhos etéreos para esmagar seus inimigos; Zane, um assassino prestes a se aposentar acompanhado de um Digi-clone; e FL4K, um robô andarilho com pets.

##RECOMENDA##

Borderlands 3 será lançado no dia 13 de setembro de 2019, em um evento exclusivo da Sony que deve acontecer no dia 1º de maio. Quem estiver ansioso para a estreia já pode reservar o jogo na pré-venda.

LeiaJá também

--> Jogos gratuitos chegam à biblioteca do Nintendo Switch

--> Google Maps ganha versão repaginada do jogo da cobrinha

--> Deputado protocola PL que criminaliza jogos violentos

A partir do dia 10 de abril, três jogos clássicos da Nintendo estarão disponíveis na biblioteca do Switch Online. O anúncio foi feito pela própria companhia de games, que traz volta - para deleite dos fãs -  Super Mario Bros.™: The Lost Levels, Punch Out!!™ featuring Mr. Dream e Star Soldier.

Considerado a verdadeira continuação da franquia Mario Bros. The Lost Levels foi  lançado originalmente no Japão como Super Mario Bros.® 2. Dessa vez os fãs do encanador mais famoso dos games vão apreciar não apenas a aparência familiar do jogo, mas também novos desafios. Além dos inimigos clássicos há também cogumelos venenosos, rajadas de vento ocasionais, entre outros.

##RECOMENDA##

Já Punch-Out!! apresenta o jovem boxeador Little Mac, que tem uma chance única de lutar contra grandes nomes da Associação Mundial de Video-Boxe. O game, de 1987, foi originalmente lançado para o NES e permitia que os jogadores usassem ganchos e cortes de poder para nocautear os oponentes, além permitir esquivar-se do adversário.

Em Star Soldier, os jogadores são convidados a pilotar a nave Caeser e parar a invasão galáctica do Starbrain, um computador gigante. Toda a ação é feita na vertical e o objetivo é sair vitorioso dos 16 estágios presentes no game.

Confira:

[@#video#@]

Um Projeto de Lei (PL) protocolado pelo deputado do PSL, Júnior Bozzella, está causaudo revolta nos gamers brasileiros. O parlamentar, filiado ao mesmo partido do presidente eleito Jair Bolsonaro, quer criminalizar os jogos violentos no país.

No site da Câmara é possível conferir a PL 1577/2019 e suas diretrizes, que pretende coibir o desenvolvimento, a importação, venda, cessão, o empréstimo, a disponibilização ou o aluguel de aplicativos ou jogos eletrônicos com conteúdos que incitem comportamentos violentos.

##RECOMENDA##

Para o deputado, a causa dos recentes massacres envolvendo jovens, como o caso da escola de Suzano, teria relação direta com os jogos eletrônicos. “Ao menos em parte, essa banalização da vida e da violência pela população jovem é advinda pelo convívio constante com jogos eletrônicos violentos”, informa trecho da PL.

A pena para quem infringisse a Lei, caso aprovada, seria de detenção de três a seis meses ou multa. Caso fosse praticado na internet ou em outros meios de comunicação de massa, a penalidade seria triplicada.

Estudos provam o contrário

No último mês de março uma pesquisa feita pelo Oxford Internet Institute chegou à conclusão que os comportamentos agressivos dos jovens não estão associados ao tempo que eles dedicam a jogos classificados como violentos. A pesquisa, que foi publicada na Royal Society Open Science, coletou dados de jovens britânicos que consumiam esse tipo de game.

Na internet

Nas redes sociais a proposta do deputado não está sendo bem aceita pelos usuários. Diversas pessoas acessaram a página do Facebook do parlamentar para demonstrar sua insatisfação com a medida. A primeira publicação do perfil, que não tem relação com a proposta, já consta com mais de 800 comentários, quase todos contrários ao Projeto de Lei.

LeiJá também

--> Nintendo lança site com novidades da E3 2019

--> Após ataque em Suzano, psicóloga alerta sobre jogos online

--> Jogo com violência sexual não será distribuído no Steam

O dia 1º de abril é famoso no Brasil como o Dia da Mentira. Por aqui, brincadeiras e mentirinhas são ditas sem nenhum constrangimento para celebrar a data. Lá fora, em diversos países do mundo, grandes empresas criam campanhas e atividades específicas para festejar o período. É o caso da Google, que lançou uma versão repaginada do jogo da cobrinha, o Snake, clássico dos celulares na era pré-smartphones.

Ao acessar a página inicial da ferramenta de busca o usuário pode clicar na frase "O Google Maps mudou o jogo. Jogue agora" e ser redirecionado para o game. É possível escolher entre as cidades de Cairo, São Paulo, Sydney, Londres, São Francisco, Tóquio ou o mundo todo, como cenário inicial.

##RECOMENDA##

O objetivo é pegar o maior número de passageiros possível sem sair do mapa ou encostar no seu próprio veículo. A medida que o transporte vai crescendo também é possível capturar monumentos históricos dos países visitados. O game, que ficará disponível após o 1º de abril, pode ser jogado tanto pelo aplicativo do serviço para Android, quanto pelo site.

Por Katarina Bandeira

Quem está ansioso pelas novidades da Nintendo, na Electronic Entertainment Expo (E3) 2019, pode começar a sorrir. A gigante dos games lançou um site especial para o evento e começou a soltar pequenas pistas do que o público deve conferir. A primeira delas é a confirmação dos campeonatos de Super Smash Bros. e Splatoon 2.

As competições de Super Smash Bros. Ultimate World Championship 2019 3v3 e Splatoon 2 World Championship 2019, devem reunir jogadores do mundo todo no sábado, 8 de junho, em Los Angeles. Entre os países com equipes confirmadas estão América do Norte, Europa, Japão, Austrália e Nova Zelândia. De acordo com a empresa quem não estiver no local poderá assistir às disputas online.

##RECOMENDA##

E3 será realizada entre 11 e 13 de junho, no Los Angeles Convention Center e é considerada a feira de jogos mais importante do seguimento. Confira o site.

Por Katarina Bandeira

A escola de programação e robótica infantil Ctrl+Play, localizada no bairro do Espinheiro, Zona Norte do Recife, oferece para o próximo sábado (30) uma oficina sobre criação de games 3D, às 14h. O foco é ensinar crianças a desenvolverem seu próprio jogo. A oficina é gratuita e as inscrições são feitas pelo telefone.

A oficina promete ser 100% prática e envolve matemática, inglês, raciocínio lógico, programação, trabalho em equipe, comunicação e até conceitos de física e engenharia. Podem participar da oficina crianças de 7 até 16 anos.

##RECOMENDA##

Serviço

Ctrl+Play Recife

30 de março | 14h

Rua Santo Elias, 388, Espinheiro, Recife-PE

Gratuito

Inscrições: (81) 3071-8328 e 99681-6159

 @ctrlplayrecife

www.ctrlplay.com.b

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando