Tópicos | Instagram

O fim da exibição do número de curtidas nas fotos publicadas no Instagram arrancou críticas da deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP). Ela usou o Twitter para reclamar da postura da rede social de fotos e disse que a atitude beneficiava gordas feministas. 

“E o Instagram sumiu mesmo com o número de likes. Tudo para a gorda feminista peluda do cabelo roxo não ficar deprimida ao ver o desempenho da coleguinha na rede”, chegou a dizer Zambelli, ressaltando que era assim que “as redes sociais afundam”.

##RECOMENDA##

A fala, contudo, dividiu os usuários do microblog e rendeu diversas críticas para a deputada. Entre os mais de 17 mil comentários, uma internauta ressaltou: “Como é que a gente paga imposto para pagar salário de gente desqualificada como essa senhora LEGISLAR [sic] para o Brasil?? Minha nossa, é inacreditável!!”; e outra disse: “Que nojo ler isso de uma mulher, ainda por cima deputada que se diz Cristã. Seus valores cristãos estão invertidos”.

Os valores cristãos que Carla Zambelli diz ter, ao se descrever no perfil como “conservadora, cristã, mãe e patriota”, foram os mais questionados. No Twitter, houve ainda quem comparasse o perfil da deputada com o de mulheres que são feministas. “Acredito que a gorda feminista não precisa sentir inveja da amiguinha”, chegou a comprar uma internauta. 

Zambelli não foi a única que não gostou da nova versão do Instagram. O vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro (PSC), também disparou contra a medida e disse que era manipulação.

Em meio a tantas polêmicas no meio político e pautas a serem discutidas, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC) encontrou um tempo na sua agenda parlamentar para comentar as recentes mudanças promovidas pelo Instagram. 

A partir desta quarta-feira (17) a rede social começa uma fase de testes de não mostrar mais a contabilização de curtidas no perfil de seus usuários. O filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL) se mostrou contrário à mudança.

##RECOMENDA##

“Confere que o Instagram não mostra mais o número de curtidas numa postagem? Empresa privada, ok. Se isso for real saiba que o intuito é barrar o crescimento dos que pensam de forma independente, ou seja, aqueles que estão rompendo o sistema. Quem raciocina sabe o que isso significa”, expressou o vereador.

A preocupação de Carlos Bolsonaro também toca no que ele acredita que seja uma manipulação ideológica. “As justificativas usadas para não mostrar as curtidas no Instagram, como combate ao bullying e suas derivações são apenas a certeza de que seguem a cartilha ideológica ‘progressista’. Querem limitar o interesse da informação e criar manipulados como em todos os campos já sabidos”, opinou.

Por fim, o parlamentar deixou uma reflexão para os seus seguidores. “Os ataques que fazem a mim diante desta postagem mostram mais uma vez a verdade. Tirem suas conclusões!”, disse.

No começo desta semana, Marina Ruy Barbosa usou o seu perfil do Instagram para dizer que as publicações sobre doações de celulares postadas na página dela eram falsas. A rede social da atriz foi hackeada, e ela compartilhou depois nos stories sua explicação do que tinha acontecido. Em menos de 24h do ocorrido, a conta de Marina no Instagram foi novamente invadida.

O que havia sido solucionado, na verdade, voltou a ser um pesadelo em poucas horas na vida da ruiva. Com quase 34 milhões de seguidores, Marina Ruy Barbosa declarou para o jornalista Leo Dias, nessa terça-feira (16), que estava com medo de ter sua rede social deletada pelo hacker.

##RECOMENDA##

Na manhã desta quarta-feira (17), o conteúdo compartilhado no feed e nos stories dela havia sido excluído. Até o momento, Marina Ruy Barbosa não se pronunciou sobre o assunto.

O Instagram começou nesta quarta-feira (17) no Brasil e na Itália um teste para ocultar a contagem de curtidas em publicações na rede social. Segundo comunicado, a empresa afirma que o objetivo é que "as pessoas se concentrem em fotos e vídeos compartilhados, e não na quantidade de 'likes' que recebem".

Na prática, a opção "curtir" não será removida, mas o número total de pessoas que aprovaram a postagem não estará mais visível para os seguidores. Apenas o usuário que compartilhou a publicação no Instagram poderá ter acesso a essas informações.

##RECOMENDA##

A iniciativa tem a intenção de fazer com que os usuários não se sintam em uma "competição dentro do Instagram" e assim foque mais em contar suas histórias do que no número de "likes". "Queremos que o Instagram seja um lugar onde todos possam se sentir livres para se expressar. Estamos iniciando vários testes em vários países para aprender com nossa comunidade global como essa iniciativa pode melhorar a experiência [da rede social]", explicou Tara Hopkins, diretora de políticas públicas do Instagram.

A novidade foi antecipada por Mark Zuckerberg durante uma conferência de desenvolvedores do Facebook no final de abril na Califórnia. O primeiro teste foi iniciado no Canadá no último mês de maio e, para a rede social, os primeiros resultados são animadores. No entanto, ainda há o cuidado de analisar como a atualização tem afetado a experiência das pessoas que usam o aplicativo. Segundo especialistas, caso a medida seja aplicada, será uma revolução para o mundo do marketing digital e os chamados "influenciadores". O Instagram conta com mais de 1 bilhão de usuários em todo o mundo, sendo que 500 milhões usam a função "Stories". 

Da Ansa

Marina Ruy Barbosa teve seu Instagram hackeado na madrugada de terça-feira, dia 16. E, na tarde do mesmo dia, se pronunciou sobre o acontecido nas redes sociais, postando o texto:

Oi pessoal! VOLTEI! Levei um susto após sair do trabalho tarde ontem e descobrir que tinham acessado a minha conta aqui no Instagram e mudado todas as senhas. Sim, fui hackeada. Mas agora já está tudo bem. A minha conta do Instagram foi restabelecida, recuperei minha senha e tudo voltou ao normal. Peço desculpas a quem caiu nessa armadilha maldosa e acessou aos links, deixo aqui meu obrigada a todos que me ajudaram, que me preocuparam em me alertar do ocorrido com e-mails, mensagens e ligações. Beijo carinhoso.

##RECOMENDA##

Fotos pedindo doações foram postadas na timeline de Marina, e ela também falou sobre no Stories:

Muito plena depois de trabalhar até 3 da manhã, sair do trabalho e descobrir que sua conta foi hackeada no Instagram. Isso só serve pra gente ter mais cuidado. Gente, não cliquem em qualquer link que qualquer um coloca, pensa antes de clicar, toma cuidado, não coloca seus dados pessoais em qualquer tipo de cadastro, aplicativo, sei lá. Cuidado também com tudo que vocês compartilham pelo celular, fotos, onde vocês guardam suas senhas também, tá? Cuidado com sorteios, prêmios, tá?

Marina Ruy Barbosa teve seu Instagram hackeado na madrugada desta terça-feira (16). A assessoria de imprensa da atriz confirmou a informação e afirmou que todas as providências já estão sendo tomadas para que ela consiga recuperar sua conta na rede social, onde conta com mais de 33,3 milhões de seguidores.

Os seguidores de Marina não demoraram muito para estranhar as recentes publicações feitas no perfil da atriz na rede social, que possui o selo de verificação do aplicativo. Nele, é possível encontrar diversas publicações divulgando supostas doações de aparelhos eletrônicos. Ao suspeitarem de que a conta teria sido invadida, os fãs da atriz começaram a alertar os internautas sobre o ocorrido.

##RECOMENDA##

No Twitter, o nome de Marina se tornou um dos assuntos mais comentados da rede social. Além de fãs alertando para a invasão, outros internautas não perderam a oportunidade de reagir ao incidente com muitos memes, já que o perfil da ruiva estava fazendo supostas doações.

"Marina Ruy Barbosa acordando e vendo que ta devendo iPhone pra metade da população brasileira", brincou um seguidor. "Marina Ruy Barbosa dormiu e vai acordar sabendo que está dando mais prêmio que o Baú da Felicidade", disse outro. "Não acredito que conseguiram hackear o Instagram da Marina Ruy Barbosa, postou uma terceira pessoa indignada.

Mas apesar das brincadeiras, o assunto é bastante sério e Marina demonstrou grande preocupação com a invasão em seu perfil na rede social. Em contato com o colunista Leo Dias, ela falou sobre o medo que está sentindo de perder a conta, que além de utilizar para interagir com o público, também usa como ferramenta de trabalho, onde divulga suas campanhas publicitárias e seus trabalhos como modelo e atriz.

"Tô acordada. Só que não quero divulgar isso ainda porque to com medo de deletarem a conta", disse a atriz em conversa durante a madrugada.

Segundo o jornalista, a invasão teria acontecido da Turquia e por causa de uma falha do próprio Instagram, que teria permitido que os cibercriminosos invadissem as contas do aplicativo, e era possível trocar a senha em menos de 10 minutos.

Como está sendo seu final de semana? O de Sasha Meneghel parece estar ótimo, já que a loira está de férias na Itália, mais precisamente na Ilha de Capri. Com um biquíni amarelo, ela posou para o Instagram e ganhou quase 230 mil likes em metade de um dia!

A estudante de moda - e modelo - apareceu em um mar cristalino, curtindo o verão europeu.

##RECOMENDA##

Dias antes ela já tinha mostrado a linda costa italiana em seus cliques, desta vez em outra região da Itália, a Sardenha.

O Instagram anunciou nesta segunda-feira (8) novas funções destinadas impedir o assédio moral na plataforma, incluindo uma advertência para as pessoas que pretendem publicar comentários abusivos.

"É nossa responsabilidade criar um ambiente seguro no Instagram", informou através de um comunicado Adam Mosseri, chefe desta rede social que pertence ao Facebook

##RECOMENDA##

"Esta tem sido uma prioridade importante para nós durante um tempo, e seguimos investindo para compreender melhor e abordar este problema", destacou.

Uma nova ferramenta notificará os usuários que seus comentários podem ser considerados ofensivos antes de serem publicados.

"Esta intervenção dá às pessoas a oportunidade de refletir e desfazer seu comentário e evitar que o destinatário receba a notificação de comentários nocivos", disse Mosseri.

"Desde os primeiros testes desta função, descobrimos que ela incentiva algumas pessoas a desfazerem seus comentários e compartilharem algo menos nocivo, uma vez que tenham a oportunidade de refletir", indicou o executivo.

Outra nova ferramenta é destinada a limitar a disseminação de comentários abusivos na fonte de um usuário.

"Temos escutado jovens da nossa comunidade afirmar que são relutantes em bloquear, parar de seguir ou reportar ao seu 'stalker' (quem provoca o assédio/bullying) porque isso pode agravar a situação, especialmente se interagem com ele na vida real", comentou Mosseri.

Uma nova função chamada "restrict" ("restringir"), que está em teste, tornará as publicações de uma pessoa infratora visíveis apenas para ela.

"Um usuário pode optar por tornar os comentários de uma pessoa infratora visíveis para os outros depois de aprová-los", acrescentou Mosseri.

"As pessoas marcadas como restritas não poderão ver quando o usuário estiver ativo na rede ou quando leu as mensagens diretas delas".

Esta iniciativa do Instagram é a mais recente de uma série de ações sobre o cyberbullying pelas redes sociais para lidar com discurso de ódio e comportamentos abusivos que podem ser especialmente prejudiciais para usuários jovens.

Isis Valverde está aproveitando que está de férias da televisão para curtir mais momentos em família e dar uma viajada. A atriz compartilhou uma foto em suas redes sociais neste domingo (7) acompanhada do marido, André Resena, e do filho do casal, Rael, de apenas oito meses de idade.

Os três estão em Fernando de Noronha desde quarta-feira (4) e mostraram o quanto acordaram cedo para aproveitar o dia juntinhos, o sol e a praia também. Na legenda da publicação, Isis se declarou para os dois e escreveu: "Minha vida inteira", traduzindo para o Português.

##RECOMENDA##

A morena, toda trabalhada em um biquíni amarelo, está dando um beijo em seu marido que não abusou do sol porque escolheu posar de camiseta, boné preto e shorts. Já Rael acabou não olhando para a foto, mas que está vestindo uma blusinha de surfista acompanhado de um boné azul. Os fãs, claro, não demoraram muito para soltar vários elogios para Isis Valverde e a família.

Esse não foi o primeiro click publicado pelo casal em Fernando de Noronha. A atriz já até posou no fundo do mar com os peixinhos e tartaruga marinha, e claro, os fãs também soltaram vários elogios e até lembraram da personagem Ritinha que Isis já interpretou.

Esta terça-feira (3) não tem sido fácil para os usuários das principais redes sociais do mundo. Pela manhã, internautas relataram dificuldades ao enviar mensagens de áudio, imagem e vídeo nas plataformas Instagram, Facebook e WhatsApp.

Agora, chegou a vez do Twitter também anunciar uma instabilidade no envio e recebimento das DM's, ou "Mensagens Diretas", como é conhecido o serviço de chat da rede social. O perfil oficial de suporte da plataforma informou que usuários da rede estão fazendo queixas que as mensagens enviadas pelo aplicativo estão chegando fora de ordem e com atraso. 

##RECOMENDA##

A causa da falha ainda não foi descoberta, mas a rede social já se pronunciou afirmando que está trabalhando para corrigi-la. Os erros começaram a aparecer por volta das 11h - horário de Brasília, e ainda não há previsão para os aplicativos voltarem a funcionar corretamente.

[@#video#@]

Usuários do Facebook tiveram uma oportunidade única graças a falha que atormenta as redes sociais comandadas por Mark Zuckerberg. Sem conseguir carregar imagens, desde o final da manhã desta quarta-feira (3), a plataforma tem apresentado - em seu lugar - as palavras-chave que a Inteligência Artificial usa para classificar as fotos guardadas na página. 

Todas as fotos, “quebradas” enquanto o problema não é solucionado, começam com “A imagem pode conter” e uma rápida descrição do número de pessoas e elementos na foto como oceano, mar, pessoa sorrindo, etc.

##RECOMENDA##

As mesmas tags de imagem aparecem também no Instagram e, além de detalhar cenas gerais e descrições de objetos, também sugerem quem deve estar na foto com você, baseando-se no reconhecimento facial do Facebook - e nas marcações de foto.

Porém, o recurso não pe usado apenas para mapear os usuários. A rede social criada por Mark Zuckerberg tem usado o aprendizado de máquina para “ler” as imagens como uma forma de melhorar a acessibilidade da empresa, uma vez que essas tags são usadas para descrever fotos e vídeos para usuários com deficiências visuais.

LeiaJá também

--> WhatsApp, Facebook e Instagram apresentam falhas

--> Redes sociais têm falha em escala mundial

--> Dez motivos para o Telegram ser melhor do que você imagina

Na manhã desta quarta-feira (3), milhares de usuários começaram a reclamar no Twitter sobre falhas nas principais redes sociais da empresa de Mark Zuckerberg. Não é possível baixar ou fazer upload de fotos ou áudios através do WhatsApp, Facebook ou Instagram.

Ainda não há informações sobre a causa da instabilidade ou previsão de retorno. Confira abaixo o mapa que mostra as regiões mais afetadas pela falha:

##RECOMENDA##

[@#galeria#@]

Usuários estão reclamando no Twitter de instabilidade nas principais redes sociais da empresa de Mark Zuckerberg. Até o momento não está sendo possível fazer downloads ou uploads de imagens ou até mesmo enviar arquivos de áudio pelo Instagram, WhatsApp e Facebook. Há relatos de falhas de conectividade não apenas entre os usuários brasileiros, mas também em outros países do mundo.

[@#video#@] 

##RECOMENDA##

Entre os países afetados até o momento, além do Brasil, estão Peru, Argentina, Colômbia, Canadá e Suíça. A versão Web do WhatsApp também foi afetada. Quase três horas após os primeiros relatos de falhas a conta oficial do Facebook, no Twitter, se pronunciou dizendo que já está trabalhando para resolver a instabilidade.

[@#podcast#@]

LeiaJá também

--> Dez motivos para o Telegram ser melhor do que você imagina

--> Redes sociais têm falha em escala mundial

O Instagram está colocando diversas novidades na seção de figurinhas, nos últimos dias. Depois de incorporar a opção de colocar música nos stories, a plataforma lançou, na última terça-feira (2), a possibilidade de seus usuários iniciarem um bate-papo, em grupo, na ferramenta. O adesivo permite que as pessoas peçam aos seus seguidores para formar um novo chat de grupo. Quem chama também pode selecionar quem irá participar da conversa. 

Funciona assim: ao colocar o adesivo em uma postagem nos stories, as pessoas poderão tocar nele e solicitar o bate-papo. Você escolhe quem participa e a conversa ocorrerá na caixa de entrada de mensagens diretas. Ninguém é obrigado a permanecer na conversa, podendo encerrá-la a qualquer momento. 

##RECOMENDA##

A novidade parece estar relacionada a nova postura da rede de buscar o contato de “pessoas reais”. Recentemente, a plataforma anunciou um teste para esconder as curtidas, com a intenção de estreitar ainda mais o laço entre seus usuários e tornar o Instagram uma plataforma mais saudável.

A nova figurinha se junta a um time de outros autocolantes como enquetes, caixas de perguntas, menções, localizações, hashtags e contagens regressivas, GIFs e outros.

Estudar para processos seletivos, como o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), é sempre um momento de muita inquietação e ansiedade. A expectativa em saber como é o dia-a-dia da profissão escolhida faz parte da rotina dos feras que, além de precisar manter o foco nos estudos, devem ter o anseio de exercer a profissão sob controle.

Para ajudar esses estudantes a terem uma ideia de como são os hábitos de algumas profissões, perfis nas redes sociais registram os trabalhos e ações de diversas ocupações com uma linguagem que pode ser entendida, muitas vezes, até por quem não é da área. Esses perfis podem ajudar, inclusive, quem ainda está em dúvida sobre qual profissão seguir. Confira a seleção do LeiaJá:

##RECOMENDA##

Direito

Lorraynne Francisca, advogada, criou o Explicando Direito, que usa casos rotineiros para abordar assuntos da Lei.

Foto: Reprodução/Instagram

Medicina

Aprovada em medicina depois de quatro tentativas, Emanuela Quello é conhecida não só por compartilhar seu dia de estudante de um dos cursos mais concorridos do país, mas também por produzir vídeos motivacionais no MedMotiva

Foto: Reprodução/Instagram

Publicidade e Propaganda 

O publicitário precisa, de maneira abrangente, ter muita criatividade e várias ideias. O Publicidade da Depressão mostra como os jobs são feitos e outras situações comuns em um dia normal deste profissional.

Foto: Reprodução/Instagram

Odontologia 

A vida de quem estuda odontologia pode ser corrida, mas a satisfação é garantida. Gabriela Máximo criou o ElaOdonto para compartilhar suas experiências e inspirar os estudantes. 

Foto: Reprodução/Instagram

Enfermagem

Aluno do oitavo período de enfermagem na UNINASSAU, Carlos Vinícius, através do Antenados na Enfermagem, dá dicas e recomendações de leitura para quem é da área de saúde.

Foto: Reprodução/Instagram

Relações internacionais 

Para os que desejam seguir carreira diplomática, Ana Carolina criou o Rel Help Internacional, que dá dicas de leitura, filmes e mostra como é a vida na pós-graduação.

Foto: Reprodução/Instagram

O co-fundador da Wikipédia, Larry Sanger, está convidando usuários do mundo todo para dar uma pausa nas redes sociais nos dias 4 e 5 de julho. O movimento, que já circula em algumas plataformas com a hashtag #SocialMediaStrike, está aparecendo timidamente em algumas discussões na internet.

Em março deste ano, o filósofo já havia dado declarações que queria entrar em guerra contra as grandes corporações e que as pessoas estavam insatisfeitas como a forma que os algoritmos funcionavam, mas precisavam de um “empurrãozinho” para protestar. 

##RECOMENDA##

Para isso acontecer Larry fez uma postagem no Reddit e em seu blog pessoal, em que incentiva os usuários a não utilizarem nenhuma plataforma social como Facebook, Twitter e Instagram. O hiato aconteceria durante os dois dias de julho, com exceção para postagens dizendo que os usuários estariam participando da greve. Sanger acredita que os dados fornecidos na internet pertencem aos usuários e que as empresas de tecnologia não deveriam ser detentoras dessas informações. 

[@#video#@]

O protesto pega o gancho dos inúmeros escândalos de privacidade envolvendo gigantes como Facebook e Google. Sanger está chamando o ato de Declaração da Independência Digital, em que ele acredita que a ação é fundamental para a mudança na atitude das empresas em relação à propriedade dos dados.

LeiaJá também

--> YouTube vai otimizar escolhas de conteúdo em versão mobile

--> Facebook apoia legislação sobre privacidade

--> Google quer priorizar a privacidade de seus usuários

Ryan Gosling e Eva Mendes são um dos casais mais discreto de Hollywood! Por isso, a atriz pegou os internautas de surpresa ao compartilhar em suas redes sociais o vídeo abaixo que é um trecho do filme O Lugar Onde Tudo Termina, de 2012, protagonizado por ela e por seu marido!

[@#video#@]

##RECOMENDA##

Voltando para uma de minhas cenas favoritas do filme O Lugar Onde Tudo Termina

E nos comentários recebeu um monte de mensagens positivas do tipo:

Sinto falta de vocês dois atuando juntos. Por favor voltem a fazer isso o mais rápido o possível.

Eu amo vocês dois juntos.

Viva o amor!

Para quem não sabe, a trama é sobre um motoqueiro, interpretado por Ryan, que trabalha performando em globos da morte para um circo itinerante. E, então, quando descobre que sua ex-namorada Romina, papel de Eva, teve um filho, ele então tenta uma reaproximação.

Pelo que parece Luana Piovani fica de olho nas redes sociais o tempo todo! Isso porque nessa quinta-feira, dia 27, a apresentadora respondeu mais um comentário sobre o ex, Pedro Scooby, no Instagram e, de quebra, deu aquela alfinetada.

Com a estreia de Luana é de Lua, do canal E!, muita gente se impressionou com a aparição do surfista no programa.

##RECOMENDA##

Abertura bafo, tema instigador, você da hora e linda como sempre, Luana, mas o embuste na tela incomoda, escreveu um internauta nos comentários de uma das publicações da apresentadora.

Na sequência, a loira concordou ao dizer:

Sabe que foi unânime? Muita gente disse o mesmo.

Em outro post de Luana, uma seguidora comparou a festa de lançamento da atração comandada pela apresentadora ao arraial promovido por Anitta, atual de Scooby.

Um nível de uma festa com classe e uma festa de juvenis, porque é assim que vejo o outro lado (todos já tiveram essa idade). Vejo, sim, uma pessoa bem resolvida. Vocês acham que é fácil ter três filhos, acordar cedo, tentar ser a super-heroína para eles e ver pai pagando em rede social em ser pai. Acho que você está calando a boca de muita gente. Funk pra mim é quando tô no final da festa querendo dançar até o chão, escreveu uma internauta.

Nos comentários, Luana aprovou:

Uhuul! Disse tudo, disse ela, que ainda curtiu o desabafo de um outro seguidor sobre o novo relacionamento de Scooby.

O problema não é ele namorar, mas sim a pessoa que ele arrumou. Depois de tanto tempo juntos e eles sendo famosos, seria interessante ele não deixar ela ficar sabendo pelas redes sociais, dizia o comentário.

A selfie diz muita coisa sobre a época atual: o predomínio da imagem, do instantâneo, o jogo sobre as emoções, a abolição das distâncias no mundo virtual... É um coquetel que pode se tornar tóxico, segundo especialistas.

"Estamos realmente em uma sociedade da imagem, da imagem efêmera", afirma a filósofa e psicanalista francesa Elsa Godart, para quem "a selfie é a chegada de uma neolinguagem no mundo do afeto, da emoção".

##RECOMENDA##

Trata-se de uma nova forma de comunicação que invadiu Instagram, Snapchat, Facebook e Twitter. Seja um adolescente com seu gatinho, um turista em frente à Torre Eiffel, recém-casados na Disneylândia, um fã posando com Neymar ou uma celebridade americana em Bali: a selfie "nos põe em contato com muitas pessoas mais", afirma o psicanalista brasileiro Christian Dunker.

Para a semióloga francesa Pauline Escande-Gauquié "acima de tudo, a lógica é criar ou fortalecer o vínculo com a sua comunidade, com seus fãs se você é famoso, com os cidadãos se você é político".

A selfie pretende dar fascínio à vida. Tiramos fotos de nós mesmos em contra plongée, em poses que nos favorecem, com um cenário atraente ao fundo. Com um controle total da imagem que vamos publicar.

O autor de uma selfie está centrado em si mesmo. "Não é um problema de narcisismo porque o narcisismo é muito positivo, mas de egotismo, de valorização de nós mesmos", explica Elsa Godart, autora de 'Je selfie donc je suis' (Faço selfies, logo existo em tradução livre). "Embora a selfie tampouco possa ser reduzida apenas a isto".

Uma hipervalorização de si mesmo que pretende obter o máximo de 'likes' e costuma revelar feridas narcisistas.

- Selfies transgressoras -

A selfie perfeita faz com o autor se sinta excepcional, exibindo-se em situações excepcionais: posando no alto da Sagrada Família ou na vertiginosa Shanghai Tower, como a russa Angela Nicolau, a rainha da "escalada urbana".

"São comportamentos de alto risco que dão a sensação de que podemos flertar com a morte", afirma Elsa Godart.

No outro extremo, a selfie da depreciação de si mesmo também ganha cada vez mais adeptos, sobretudo de jovens com gostos menos convencionais, que querem denunciar a ditadura da beleza e a proliferação de "fakes".

Alguns inclusive viralizaram com truques como o "chinning", fotos nada estéticas em que mostram suas papadas em frente a locais turísticos. Da mesma forma, os grandes depressivos também tiram selfies, "o que também permite existir", avalia Godart.

O "photobomb" é uma foto de si mesmo frequentemente engraçada, na qual alguém aparece inesperadamente, arruinando os planos do autor, sem que este saiba disso.

Cada vez mais criativa, a selfie também é um objeto de militância 2.0, como para os ecologistas que publicam fotos de uma praia "antes e depois" de limpá-la ou para as mulheres pró-aleitamento materno que tiram fotos amamentando seu bebê. "É algo muito íntimo, mas por trás há uma mensagem verdadeira", afirma Escande-Gauquié.

O artista chinês Ai Weiwei fez da selfie uma arma política contra o regime comunista de Pequim ou para dar visibilidade aos migrantes do Mediterrâneo.

As selfies também são um negócio e uma ferramenta extraordinária de comunicação para celebridades como Kim Kardashian, seguida por 141 milhões de usuários no Instagram, para os quais chegou, inclusive, a posar nua.

Mais transgressora, a selfie "beautifulagony" expõe na plataforma flickr os rostos de pessoas se masturbando.

"É no olhar do outro que culminará este ato masturbatório. Fazemos amor através do olhar-tela interposto, vivemos verdadeiramente em uma sociedade da imagem", explica Elsa Godart.

- 'Rumo à patologia' -

As selfies tiradas perto do corpo de entes queridas são um desafio à morte.

Para a psicanalista, é "fazer viver de novo a pessoa, que não está mais. A virtualidade é o lugar onde não morremos mais". O Facebook, além disso, impede que milhões de mortos desapareçam, deixando suas contas ativas.

Mas a selfie pode ser totalmente viciante. "Como em todo fenômeno, há desvios", afirma Pauline Escande-Gaudié, autora de "Tous selfie!" (Selfie, todos!, em tradução livre).

"Certas pessoas entram em uma compulsão e uma dependência do olhar do outro".

Múltiplos aplicativos permitem agora refinar os traços do rosto, apagar rugas ou mudar a cor dos olhos para se aproximar de um ideal sonhado de beleza.

"É um travestismo", avalia a semióloga, e se não se tomar como um jogo, "vamos rumo à patologia", já que existe "uma dissonância identitária que pode ser perigosa, especialmente para adolescentes".

A selfie é um simulacro, destaca também Christian Dunker, professor de Psicologia da Universidade de São Paulo. "Exerce uma pressão permanente para que sejamos muito mais livres e felizes do que podemos ser na realidade".

Paulo Vilhena 'causou' na internet ao postar um vídeo no qual aparecia completamente nu. O Instagram, no entanto, não curtiu muito a publicação e retirou o conteúdo do ar. Nesta quarta (26), o ator fez uma nova publicação, mais contida, pedindo desculpas para aqueles que se ofenderam com sua atitude. 

Vilhena está de férias na Espanha e tem compartilhado diversos momentos de sua viagem com os fãs. Na última terça (25), ele publicou um vídeo no qual aparece dando 'estrelinhas' completamente nu em um praia. No entanto, o vídeo fere as diretrizes da rede social e acabou sendo excluído. 

##RECOMENDA##

Sendo assim, ele fez um nova publicação, dessa vez, pedindo desculpas pela sua atitude, porém, sem perder o bom humor. "O Instagram retirou o tal vídeo de bumbum de fora. Respeitando as regras da comunidade instagramers. Peço desculpas se alguém se ofendeu ou se causei algum mal. Viva a liberdade. Meu bumbum minhas regras, o badalo foi sem querer". 

 

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando