Cultura

| Cinema

O ator norte-americano Robert Forster, indicado ao Oscar pelo longa-metragem Jackie Brown, morreu no dia 11 de outubro, aos 78 anos de idade.

De acordo com a CNN, ele lutava contra um câncer no cérebro e estava acompanhado da família quando morreu.

##RECOMENDA##

Nas redes sociais, o ator Bryan Cranston lamentou a perda: Um homem adorável e ator completo, escreveu. Os dois atuaram juntos em Alligator, de 1980 e também na série Breaking Bad e no filme El Camino, inspirado no seriado e que está disponível na Netflix.

A famosa atriz Jane Fonda, de 81 anos de idade, foi presa na tarde desta sexta-feira, dia 11, em Washington, nos Estados Unidos. Segundo informações do site norte-americano People, Fonda participava de um protesto contra as mudanças climáticas no Capitólio dos EUA, prédio que serve como centro legislativo do governo, quando foi detida pelos policias.

A artista, conhecida pelo seu ativismo, contou anteriormente ao jornal The Washington Post que havia se mudado recentemente para Washington e que planejava participar cada vez mais de manifestações na capital dos Estados Unidos. Fonda alegou que suas intenções eram de protestar pelas próximas 14 sexta-feiras.

##RECOMENDA##

- Eu vou pegar o meu corpo, que é meio famoso e popular agora por causa da série [Grace e Frankie, da Netflix] e eu vou para DC e fazer uma manifestação toda sexta-feira. Será chamado de Exercício de fogo sexta-feira. E vamos nos envolver em desobediência civil e seremos presos toda sexta-feira, admitiu a atriz.

O canal WUSA conseguiu imagens da prisão de Fonda. Além dela, 16 outras pessoas foram presas.

Ainda não se sabe se Jane Fonda possui um advogado que esteja engajado no caso. Também não se tem mais informações sobre a prisão da atriz.

Por Pietro Tenório

Projeto Gemini (Gemini Project) estreou nos cinemas nesta semana e conta a história de Heny Brogan (Will Smith), um atirador de elite profissional que resolveu se aposentar. O que ele não contava é que os chefes dele, estão tentando eliminá-lo e para isso, ativam o projeto gemini e enviam um clone de Henry mais aferfeiçoado para matar a sua versão original. Agora, ele precisa parar a sua cópia e desativar o projeto gemini de uma vez por todas.

##RECOMENDA##

O filme produzido por Jerry Buckheimer (24 horas e Piratas do Caribe) é basicamente uma ação frenética dos anos 90, mas que tem os seus momentos de respiro. O diretor Ang Lee, que veio do brilhante mais polêmico As Aventuras de Pi, continua mostrando que ele sabe dirigir bem e usa uns ângulos de cãmera que surpreendem. O roteiro escrito por David Benioff, Billy Ray e Darren Lemke é bem básico e utiliza-se apenas da jornada do herói e uma pequena reviravolta que serve apenas pra fazer a história andar e deixa-la bem redondinha.

O Will Smith entrega uma atuação perfeita como em todo filme em que ele atua, só que agora na pele de dois personagens, sendo um feito completamente no computador, e o resultado final é impecável. Se a Disney já tinha nos surpreendido em Tron: O Legado com a sua tecnologia de rejuvenescimento, agora o nível é outro, o clone do Smith foi todo feito em computador e não só ele, mas todo o efeito do filme tem muita cara de vídeo game, como em Batman vs. Superman: A Origem da Justiça.

Hora de falar sobre a tecnologia 3D+, eu consegui ver em um cinema selecionado daqui (o do Plaza Shopping) e ela é supreendente. No 3D tradicional, a imagem é movimentada em 24 quadros por segundo, já nesta aqui é 60 quadros por segundo, igualzinho ao que agente vê naquelas demonstrações de SmartTv 4K de lojas de eletrodomésticos. Cada detalhe fica notável aos olhos do teleespectador, pode ser um copo no chão, ou uma mosca.

Enfim, Projeto Gemini é um ótimo filme para passar o tempo, mas que logo depois você esquece e fica só se lembrando do 3D+ que acaba sendo o verdadeiro protagonista da sessão.

Nota: 7,5

[@#video#@]

Em 2019, Friends está completando 25 anos. E para celebrar em grande estilo, a Warner Bros. Pictures resolveu exibir 12 episódios selecionados das dez temporadas nos cinemas. Inicialmente, a exibição aconteceria somente nos Estados Unidos, mas agora, o estúdio resolveu exibi-los aqui no Brasil, por causa da grande fã-base e dos memes que usamos na web brasileira.

Os episódios foram remasterizados em 4K, contarão com entrevistas e conteúdos exclusivos e serão exibidos em três dias: 14, 15 e 16 de outubro. Friends foi exibida originalmente entre 1994 e 2004 e contava as aventuras de cinco amigos que viviam em um mesmo apartamento: Chandler, Ross, Joey, Phoebe, Mônica e Rachel. Mesmo com o seu fim, a série ainda contou com um spin-off do personagem Joey (Matt Leblanc), que não deu certo. Confira abaixo a lista dos episódios.

##RECOMENDA##

14 de outubro – Piloto, Aquele com o Apagão, Aquele com o nascimento e Aquele em que Ross descobre.

15 de outubro – Aquele com o Vídeo da Formatura, Aquele em que Ninguém Está Pronto, Aquele com a Manhã Seguinte e Aquele com os Embriões

16 de outubro – Aquele com o Chandler na Caixa, Aquele com o Casamento do Ross: Parte 2, Aquele em que Todos Descobrem e Aquele em que Ross fica Chapado

Por: Pietro Tenório

Fim de semana chegando e nada melhor do que um filminho pra passar o tempo. Para se programar, confira as produções que chegaram às telonas nesta semana:

##RECOMENDA##

Projeto Gemini – Principal estreia da semana, o filme dirigido por Ang Lee (As Aventuras de Pi) e estrelado por Will Smith, conta a história de Henry Brogan (Smith), um assassino de elite profissional que está ficando mais velho e menos confiável. Por isso, os seus chefes iniciam o Projeto Gemini e criam um clone de Henry mais novo e aperfeiçoado, que tem como missão, matar a sua versão original. Além de Will Smith nos dois papeis, o elenco ainda conta com: Mary Elizabeth Winstead, Clive Owen e Benedict Wong.

Morto Não Fala – Considerado como o filme de terror nacional mais forte já feito, a história acompanha Stênio (Daniel de Oliveira), que trabalha no necrotério de São Paulo. Durante suas madrugadas de trabalho, ele tem um dom de se comunicar com os mortos, e já está acostumado a ouvir relatos do outro plano. Mas, quando uma dessas conversas revela segredos sobre sua própria vida, ele ativa uma maldição que afetará ele, e todos a sua volta. O filme é dirigido por Dennilson Ramalho, e tem ainda no elenco: Fabíola Nascimento, Bianca Comparato e Marco Ricca.

Breaking Bad – El Camino – Agora vamos a um filme que não estreia nos cinemas, mas na TV, no computador, no celular ou no tablet, ou seja, na Netflix. Este filme, gravado em segredo, continua a história da série que fez sucesso entre 2008 e 2013 e acompanha Jesse Pinkman (Aaron Paul) depois dos eventos do último episódio da sexta temporada. Agora que está livre, Jesse precisa acertar contas com o passado enquanto ainda tenta se libertar. O longa é escrito e dirigido por Vince Guillian, o criador da série e já está disponível na Netflix.

Greta – Mais um filme nacional para lista. Dirigido por Armando Praça e estrelado por Marco Nanini, o longa conta a história de Pedro (Nanini), um enfermeiro fã da cantora Greta Garbo que precisa de um leito no hospital onde trabalha para ajudar uma amiga (Denise Weinberg), e resolve levar para sua casa Jean (Demick Lopes), um criminoso que está fugindo da polícia e que acaba se apaixonando por Pedro.

Pintassílgo: A história de uma Vida Roubada – Baseado no livro de Donna Tartt, que venceu o prêmio Pulitzer, o filme conta a história de Theo, um menino de 13 anos que perdeu sua mãe durante um ataque a bomba no Museu de Arte Metropolitano. Este acontecimento muda sua vida, levando-o a uma odisseia de tristeza, culpa e até mesmo amor. Apesar de tudo o que aconteceu, ele ainda tem um fio de esperança, através de uma pintura de um pássaro amarrado ao seu poleiro. O elenco de peso deste longa conta com: Sarah Paulson (American Horror Story), Finn Wolfhard (Stranger Things e IT), Ansel Elgort (Em Rítimo de Fuga) e Nicole Kidman (Aquamen). Já a direção, fica a cargo de John Crowley. O filme participou do Festival de Cinema de Toronto, principal porta de entrada para as premiações de Hollywood como o Oscar e o Globo de Ouro.

Fotos: Divulgação/Imdb e Adorocinema

Por Pietro Tenorio

A nova adaptação cinematográfica da série policial Charlie’s Angels, As panteras estreia nos cinemas brasileiros em 14 de novembro. A trilha sonora traz a funkeira Anitta no tracklist, junto a grandes nomes do pop como Miley Cyrus, Lana Del Rey, Ariana Grande, Normani, Nicki Minaj e outras artistas.

O álbum da adaptação está sendo produzido pela cantora Ariana Grande, que divulgou a lista de músicas e intérpretes e seu instagram. Anitta aparece na lista com uma música solo inédita intitulada ‘Pantera’. O álbum da trilha sonora será lançado em 1° de novembro. Ariana assume além da faixa principal do filme, cinco músicas do disco em parceria com outras artistas.

##RECOMENDA##

[@#video#@]

O Animage - Festival Internacional de Animação de Pernambuco celebra, em 2019, seus dez anos de história. Com a proposta de atualizar o público com os melhores curtas e longas-metragens lançados no mundo anualmente, o festival realiza sua décima edição com uma programação distribuída pela Caixa Cultural Recife (programação gratuita), Cinema São Luiz e Cinema da Fundação - Derby (preços populares). O Animage inicia suas atividades nesta sexta-feira (11) e promove exibições até o dia 20 de outubro. 

Reforçando a produção autoral, o Animage vem, a cada edição, consolidando sua identidade própria dando ênfase na originalidade dos realizadores. Os títulos se dividem entre as mostras competitivas, de curtas e longas, além das sessões especiais. Este ano, 78 curtas-metragens, de 30 países, participam da mostra competitiva. Entre os longas, destaca-se a presença expressiva de títulos brasileiros. 

##RECOMENDA##

Já as mostras especiais dão destaque a produções chilenas e africanas e também à obra do diretor francês Bruno Collet; bem como da animadora alemã Kiana Naghshineh e à série pernambucana Bia Desenha. A Mostra Erótica e as oficinas de Desenho Gestual, com Kiana Nagshineh; Animação com Recortes com Chia Beloto e Marila Catuária; e, para as crianças, Animação Experimental com Bruno Cabús; também prometem chamar a atenção do público. A programação completa pode ser conferida no site do festival.

Serviço

10º Animage

Sexta (11) a 20 de outubro

CAIXA Cultural Recife

Av. Alfredo Lisboa, 505 - Bairro do Recife

Telefone: (81) 3425-1915

Cine São Luiz

R. da Aurora, 175 - Boa Vista, Recife

Telefone: (81) 3184-3157

Cinema da Fundação - Derby

Rua Henrique Dias, 609 - Derby - Recife / PE

Telefone: (81) 3073-6420

Completando 12 anos de atividades, a Mostra Play the Movie, parte integrante da programação do Festival No Ar Coquetel Molotov, exibe uma seleção de videoclipes e documentários inéditos entre os dias 22 e 26 de outubro. Nesta edição, a mostra acontece no Compaz Ariano Suassuna e no Cine Teatro Fernando Santa Cruz, no Mercado Eufrásio Barbosa, além de realizar três cine-concertos.

Abrindo a programação nos dias 22 e 23 de outubro, a Mostra Play The Movie promove sessões com filmes pernambucanos no Compaz Ariano Suassuna. As exibições são voltadas para os jovens da comunidade e de escolas próximas ao equipamento. Nos dias seguintes, o evento parte para Olinda, onde serão exibidos o documentário sobre Clara Nunes, Clara Estrela - em uma sessão de acessibilidade com janela de libras e audiodescrição -, e o filme Sotaque elétrico, que apresenta o histórico da guitarra em terras brasileiras, entre outros títulos.  

##RECOMENDA##

A mostra também conta com três cine-concertos que acontecerão no Mercado Eufrásio Barbosa. Se apresentam as bandas pernambucanas Guma, Buffalo Lecter e o duo europeu Tomaga. Na mesma semana, o Tomaga ainda oferece uma imersão com músicos e artistas locais no Estúdio Apollo 17, no bairro do Recife, com workshops gratuitos nos dias 22, 23 e 24. 

Programação

24/out  | Quinta

19h00

Seleção Videoclipes da Convocatória Play The Movie 2019

19h15

Sessão acessível - “Clara Estrela” (Dir: Susanna Lira e Rodrigo Alzuguir)

21h00 - BUFFALO LECTER (PE) - Cine-Concerto ao vivo

25/out  | Sexta

19h00

Seleção Videoclipes da Convocatória Play The Movie 2019

19h15

Erlon Chaves - Mestre do Veneno (Dir: Alessandro Gamo)

21h00

TOMAGA (UK) - Cine-Concerto ao vivo

26/out  | Sábado

18h00

Seleção Videoclipes da Convocatória Play The Movie 2019

18h15

Sotaque Elétrico (Dir: Caio Jobim e Pablo Francischelli)

20h00 - GUMA (PE) - Cine-Concerto ao vivo

Serviço

Mostra Play The Movie

Sessões no Compaz Ariano Suassuna (Cordeiro)

22 e 23 de outubro - 9h

Sessões no Mercado Eufrásio Barbosa (Olinda)

24 a 26 de outubro - 19h

Gratuito

Coringa já está nos cinemas do mundo todo e ainda continua causando um alvoroço por onde passa. Depois de cinemas dos Estados Unidos negarem a exibição do filme e chamarem a proteção da polícia, um novo caso atrapalhou a exibição do filme. Desta vez, o alvo foi um cinema da rede Edwards Cinemas, localizado no shopping Long Beach Tower Center, no condado de Los Angeles, durante a sessão das 21h. Segundo o portal Long Beach Post, um homem suspeito causou tumulto e fez com que as pessoas saíssem da sala assustadas.

A polícia local foi acionada pelo shopping, que prendeu o suspeito. Segundo o comunicado emitido pelo Departamento Policial do bairro, o homem entrou na sala com uma mochila nas costas, e ficou posicionado em frente às fileiras observando as pessoas que assistiam ao longa. Com medo de que ele estivesse armado, o povo começou a se retirar da sala. O homem foi revistado, e constatou-se que não estava armado. Ele foi levado sob custódia, devido a um mandado relacionado a outro crime cometido.

##RECOMENDA##

Esse mesmo tipo de incidente ocorreu aqui no Recife, na sessão de pré-estreia, no Plaza Shopping. Na ocasião, um homem bêbado invadiu a sala e começou a fazer a dança do personagem, mas ele logo foi retirado do local e o filme reiniciado.

*Por Pietro Tenório 

 

São inúmeras as obras do cinema nacional inspiradas no cotidiano e nas ricas histórias contadas no sertão do Brasil. O LeiaJá traz cinco filmes cujas narrativas se passam no Nordeste e que são sucesso de crítica e de públic.

1 - Deus e o Diabo na Terra do Sol (1964)

##RECOMENDA##

Cena do filme com Othon Bastos, Geraldo Del Rey e Yoná Magalhães | Foto: Divulgação

O sertanejo Manuel (Geraldo Del Rey) bate de frente com as ordens impostas pelo coronel Moraes (Mílton Roda) e mata o militar em uma briga. Com a perseguição de aliados do coronel, Manuel e sua esposa Rosa (Yoná Magalhães) fogem e se juntam a uma seita católica liderada pelo beato Sebastião (Lídio Silva). Os rituais do religioso são místicos e garantem o fim do sofrimento, mas Rosa acaba por presenciar a morte de uma criança e mata Sebastião. Ao mesmo tempo, um pistoleiro é contratado pela Igreja Católica e donos de terra da região para exterminar quem ainda seguia a seita religiosa.

2 - O Auto da Compadecida (2000)

Selton Mello é Chicó e Matheus Nachtergaele vive João Grilo em "O Auto da Compadecida" | Foto: Reprodução

Em uma adaptação da obra do escritor pernambucano Ariano Suassuna (1927-2014), as façanhas oriundas de pouco trabalho e muita malandragem de João Grilo (Matheus Natchergaele), um pobre sonhador que tenta arrumar jeito para tudo, e Chicó (Selton Mello), um mentiroso acovardado que se apaixona pela mulher de um major da pequena cidade de Taperoá, no sertão da Paraíba, são postas à prova por Nossa Senhora, a Compadecida, estrelada pela atriz Fernanda Montenegro.

3 - Deus é Brasileiro (2003)

Wagner Moura, Antônio Fagundes e Paloma Duarte em cena | Foto: Reprodução

Com direção de Guel Arraes, o longa-metragem apresenta Deus (Antônio Fagundes) que busca um substituto para ocupar o cargo durante suas férias. O todo-poderoso, decepcionado com os erros cometidos pela humanidade, decide descansar em um lugar distante do mundo que ele mesmo criou e busca, no Brasil, um país religioso que ainda não tinha santo reconhecido de forma oficial pelo Vaticano, seu suplente. Na missão, Deus tem como companheiro o astuto pescador Taoca (Wagner Moura), que vê na figura real do salvador uma solução para seus problemas.

4 - Lisbela e o Prisioneiro (2003)

Débora Falabella e Selton Mello, em "Lisbela e o Prisioneiro" | Foto: Divulgação

Lisbela (Débora Falabella) é uma moça romântica do interior nordestino e apaixonada por cinema. Quando uma peça de teatro mambembe chega à cidade apresentando a "Paixão de Cristo", a jovem, que já tem seu casamento marcado com Douglas (Bruno Garcia), passa a gostar de Leléu (Selton Mello), um aventureiro que viaja a bordo de um caminhãozinho ganhando a vida como vendedor de produtos duvidosos. O chefe da polícia da localidade é o Tenente Guedes (André Mattos), pai de Lisbela, que desaprova o romance da filha com aquele que também é perseguido e jurado de morte pelo cangaceiro Frederico Evandro (Marco Nanini), pois se envolveu com a esposa do camponês valente.

5 - Bacurau (2019)

Cena de "Bacurau" vencedor de três prêmios no Festival de Cannes | Foto: Reprodução

A recente e premiada produção futurista que tem direção de Kleber Mendonça Filho conta que o pequeno povoado do sertão pernambucano desapareceu de forma misteriosa de todos os mapas no dia seguinte à morte de Dona Carmelita, uma habitante quase centenária do vilarejo. A partir deste momento, um grupo de moradores do local tenta reagir após notar que, por acontecimentos como o sobrevoo de drones, a chegada de estrangeiros e alguns assassinatos, o vilarejo está sendo atacado. No elenco que venceu três prêmios em Cannes estão Sônia Braga, Bárbara Colen, Thomas Aquino, Wilson Rabelo e Silvero Pereira.

Zumbilândia: Atire Duas Vezes teve um novo trailer divulgado pela Sony Pictures. O longa é dirigido por Ruben Fleischer (Venom) e estrelado por Woody Harrelson, Jesse Eisenberg, Abigail Breslin e Emma Stone. O filme chega aos cinemas brasileiros em 24 de outubro.

Confira:

##RECOMENDA##

[@#video#@]

Por Isabelle França

A sexta e última temporada de Vikings teve seu primeiro trailer divulgado. A produção tem estreia marcada para 4 de dezembro, com um episódio especial de duas horas.  

 Confira: 

##RECOMENDA##

[@#video#@]

 Por Isabelle França 

 

Coringa mal estreou, mas já pode ser considerado um dos filme mais polêmicos de 2019! Isso porque, depois de várias controvérsias envolvendo a trama, a nova produção da Warner Bros. virou centro de uma nova discussão complexa, pois um cantor condenado por pedofilia poderá ganhar dinheiro com o filme...

A música

##RECOMENDA##

Rock and Roll Part. 2 está na trilha sonora de Coringa e, no filme, ela ambienta uma sequência considerada icônica em que o protagonista, interpretado por Joaquin Phoenix, dança numa escada. Logo, por estar lá, a canção pode render muito dinheiro para Gary Glitter, que foi condenado por vários crimes de cunho sexual.

Segundo o The Hollywood Reporter, Gary foi um grande astro dos anos 70 e 80 no cenário do rock glam britânico. Porém, seu sucesso se findou no final dos anos 90, quando ele foi preso pela primeira vez por download de conteúdo pornográfico infantil. Já em 2015, o cantor foi condenado quatro vezes por assédio sexual e indiciado numa quinta vez por ter abusado de uma garota com menos de 13 anos de idade. Sua sentença foi de 16 anos.

Por conta de direitos autorais, o detento poderá ganhar milhares de dólares com cada exibição de sua composição e isso não pegou nada bem para os fãs da produção, que ficaram indignados com a escolha de colocar a música na trilha sonora.

De quem foi a ideia de colocar Gary Glitter em Coringa?, questionou uma usuária do Twitter.

Outro ponto que tem sido discutido é que toda a temática do filme, que vem fazendo muito sucesso, está ofuscando esse detalhe polêmico.

Uma coisa pequena sobre Coringa que tem sido ofuscada por, você sabe, todo o resto: uma cena importante é proeminentemente marcada por Rock and Roll Part 2 de Gary Glitter, indignou-se outro.

Também teve gente que levantou a questão do filme ser sobre as consequências do abuso infantil, e conter a música de um pedófilo condenado na trilha sonora.

Gary Glitter consegue royalties pelo Coringa. Eles estão literalmente pagando um pedófilo para usar sua música em um filme sobre consequências de abuso infantil… Esse filme é uma droga imoral.

Por fim, alguns internautas até se dispuseram a fazer um grande boicote do filme.

Eu jamais defenderia isso. De qualquer forma, se você está planejando assistir Coringa nesse fim de semana, por favor, baixe pirata ou torrent. F*****e os lucros de qualquer filme que conscientemente enche os bolsos de um idiota pedófilo como Gary Glitter, disparou outro perfil.

Tenso!

A trama gira em torno da dupla de adolescentes Alyssa (Jessica Barden) e James (Alex Lawther), que acredita ser um psicopata. Eles decidem fugir de casa e partir para uma jornada perigosa. Não foram revelados mais detalhes da nova temporada. Os episódios anteriores estão disponíveis na Netflix.

[@#video#@]

##RECOMENDA##

Por Suellen Elaine

Nesta quarta-feira (9), às 18h, será inaugurada a mais nova sala de exibição do Recife. O Cinema da UFPE será aberto pelo reitor Anísio Brasileiro, com o objetivo de oferecer uma programação de alto padrão à comunidade acadêmica e à população em geral. Instalado no bloco B do Centro de Convenções da instituição, ele tem 178 poltronas, incluindo lugares para cadeirantes e obesos, e oferecerá uma projeção DCP 4K, com som Dolby 5 X 1. A sala está preparada para exibir filmes em 2D e em 3D.

“O nosso cinema vem somar às demais salas públicas de Pernambuco, como as salas do Derby e de Casa Forte do Cinema da Fundação e o São Luiz”, explica o reitor. “Nossa programação será tão instigante quanto a dessas salas, com o melhor do cinema mundial e brasileiro”, diz ele.

##RECOMENDA##

O Cinema da UFPE será a primeira sala de exibição na zona oeste do Recife, ainda carente de equipamentos culturais. Começará com duas sessões diárias, de terça a sábado, e passará a três sessões até o fim do ano.

Estão previstas também sessões acessíveis com filmes nacionais com Libras, LSE e audiodescrição, em parceria com o projeto Alumiar, do Cinema da Fundação. Assim como as Sessões Cinemateca, com filmes antigos, em parceria com a Cinemateca Pernambucana.

Idealizador do projeto, o professor Paulo Cunha lembra que tudo começou em 2012, no início da primeira gestão do reitor Anísio Brasileiro. “É um sonho que demorou oito anos para acontecer, enfrentou tempestades terríveis. Mas era uma ideia bela demais para naufragar. Chegamos agora no momento de começar a operar”, destaca.

A sala se chamará simplesmente Cinema da UFPE, mas adotou como slogan a frase “O cinema é público”. Segundo a professora Mannuela Costa, do Departamento de Comunicação Social e atua nos curso de Cinema e Publicidade, será a coordenadora do projeto. “Teremos um cinema de caráter público, capaz de se pautar por aquilo que há de melhor na produção audiovisual, e queremos muito ser uma alternativa de qualidade aos cinemas comerciais”, afirma.

O cinema será administrado em parceria com a Fundação de Apoio ao Desenvolvimento da UFPE (Fade).O secretário executivo da Fade, professor Maurício Assuero, afirma que “o Cinema da UFPE é um projeto com abrangência  social extraordinária. A Fade se orgulha de fazer parte dessa historia e da parceria com a UFPE ao longo de 38 anos.”

O Cinema da UFPE teve um custo aproximado de R$ 3,5 milhões, bancados com recursos próprios da Universidade ao longo de sete anos. O desafio da sala é ser autossustentável e, para isso, serão cobrados ingressos de R$ 14,00 (inteira), R$ 7,00 (meia) e R$ 6,00 (ingresso subvencionado para estudantes, professores e técnicos da UFPE). As sessões de acessibilidade comunicacional e as sessões de formação de plateia serão gratuitas.

Da assessoria da UFPE

José Padilha não está bem cotado junto ao ex-presidente Lula. Ele teria se negado a dar entrevista ao cineasta para a composição de seu novo documentário sobre a Lava-Jato. Padilha tem procurado diversas autoridades para falar sobre o tema, porém, Luiz Inácio não estará entre eles.

Segundo a jornalista Bela Megale, d'O Globo, Lula se recusou a falar com Padilha por conta da série 'O Mecanismo', que é inspirada na operação Lava-Jato. De acordo com Magale, o ex-presidente avaliou que o cineasta teria feito a série mostrando apenas a versão dos procuradores e do então juiz Sérgio Moro.

##RECOMENDA##

Ainda de acordo com Bela, a assessoria de Lula disse que ele não atenderá ao pedido por não acreditar na honestidade do cineasta e pela maneira como ele tratou o ex-presidente na série. 

O ano de 2019 não está sendo fácil para realizadores do audiovisual brasileiro. Com um cenário de desmonte da área, com a extinção de diversas linhas e financiamento, os festivais estão lançando mão de outras formas de captação de recursos para poderem acontecer. O Janela Internacional de Cinema do Recife é um deles e está lançando, nesta segunda (7), uma campanha de financiamento coletivo para viabilizar sua 12ª edição.

A exemplo do que fez o Festival do Rio, o Janela está contando com a colaboração do próprio público para acontecer. Sem o apoio de editais federais e estaduais, o festival decidiu lançar uma campanha de crowdfunding que visa arrecadar, inicialmente,  R$ 30.000 até o dia sete de novembro. 

##RECOMENDA##

LeiaJá também

--> Festival do Rio faz 'vaquinha' para acontecer em 2019

--> Com Funcultura Audiovisual incerto, produtores pressionam

O valor estabelecido para a campanha será destinado para o custeio de grande parte das operações do evento que acontece no Cinema São Luiz, no centro do Recife. Os doadores receberão algumas recompensas como cartazes do festival, convites para sessões, camisetas e agradecimentos especiais durante o evento.

A Netflix divulgou o primeiro trailer e a data de lançamento de ‘Klaus’, filme de animação espanhol. Dirigido por Sergio Pablos, o longa conta a história de origem do Papai Noel. A produção é uma parceria da plataforma streaming com a produtora The SPA Studios e Artesmedia Cine. 

A versão brasileira de dublagem conta com o atores Rodrigo Santoro, Daniel Boaventura e Fernanda Vasconcellos. A previsão de estreia está marcada para o dia 15 de novembro na Netflix.

##RECOMENDA##

Assista ao trailer:

[@#video#@]

Por Suellen Elaine

A nova série derivada de The Walking Dead teve seu primeiro trailer divulgado. A produção, que ainda não possui título oficial, se passa uma década depois do início do apocalipse zumbi.

 Com estreia prevista para 2020, a série contará a história de jovens que nasceram e cresceram enquanto o apocalipse acontecia. Annet Mahendru (The Americans) e Aliyah Royale (The Red Line) serão as protagonistas.  

##RECOMENDA##

Confira: 

[@#video#@]

Por Isabelle França

 

A Adult Swim lançou o primeiro trailer da quarta temporada da série Rick and Morty. Ao que tudo indica, a nova temporada será dividida em duas partes, com os cinco primeiros episódios sendo lançados a partir do dia 10 de novembro nos Estados Unidos. No Brasil, a previsão de estreia ainda não foi anunciada.

Confira:

##RECOMENDA##

[@#video#@]

Por Suellen Elaine

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando